quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Sobre o Chile - 10/09/2010

Eu acho que eu amava o Chile e não sabia, mas estava aqui dentro o meu amor por este país tão lutador, tão sofrido e tão encantador.
Nunca desejei visitá-lo, nunca pensei a respeito, embora tenha lido, visto filmes e saiba um pouco sobre a sua história.
Amo a Izabel Allende, suas histórias, principalmente Casa dos Espíritos e Paula.
Acho que é a força da montanha, da cordilheira, das dificuldades, das belezas, dos desafios que fazem este povo parecer tão feliz sendo que a tão pouco tempo atrás lhe roubaram o mais importante de todas as ilusões deste mundo..a Liberdade!
Sabemos que não somos livres realmente, mas termos a ilusão que somos nos faz sermos humanos.
Chegamos de noite e a única coisa possível foi jantar, num restaurante tipicamente alemão...rsss...mas com algumas comidinhas Chilenas, dentre elas um pão frito, que lembra um bolinho de chuva salgado, infelizmente minha dificuldade em ouvir não permitiu que eu entendesse e captasse o nome correto, mas me tornei fã deste pãozinho.

Quem se interessar ele é servido como couvert no restaurante Bavaria.
Só nos restou dormir e aproveitar o próximo dia para degustar melhor o Chile.

Nenhum comentário:

Postar um comentário