terça-feira, 18 de outubro de 2011

Feliz.

Hoje eu estou assim:
Feliz!
Logo cedo fui buscar minha medicação contra rejeição do transplante, no hospital do Rim e o segurança que dá as senhas me disse:
- Tá bonitona, animada hoje, que aconteceu?
E eu respondi:
- É que eu estou viva!
Até eu me surpreendi com a resposta..rss, mas a verdade é isso aí, eram 7 da manhã, eu não escuto direito a moça chamar pela caixinha de som, sempre fico em dúvida se é para eu ir, tenho minhas perdas, minhas dificuldades, mas eu sou feliz por esta viva.
Viva!
Depois busquei minha medicação, comprei pão de queijo no Mercado Pastorinho, e logo ao entrar lá meu coração vibrou, eu amo supermercado, vai entender, antes eu odiava por conta do ritmo que a minha vida tinha, eu não tinha tempo de vagar pelas gôndolas, descobrir novos sabores.
E que se dane, comprei coxinha, alguns pães recheados, e descobri que o Pastorinho tem um chocolate que comprei em Santiago no Chile, e de laranja, que é o nosso preferido aqui de casa.
Felicidade pura e simples!
Depois fui para o ICRIM, me doei, dei conta, fiz minha parte, a arrumação que comecei há dois meses atrás está em seu final, ficou ótimo, prático, podemos caminhar por lá agora.
Tá tudo!
Identificado!
Meu amigo Domingos me ligou e pediu para eu comprar 12 vouchers para a Pizza do Bem, eu expliquei que isso significa 12 pizzas se não era muito para a quantidade de pessoas que irão?
E sabe qual foi a resposta:
- O importante é contribuir Déa, mandei todo mundo fazer o bem.
Orgulho de ser amiga de gente assim, que quer participar.
Meu amigo palhaço e incrivelmente único.
Faz bem!
Depois fui na minha médica e ela está doida para ver minha mãe transplantada, contei para ela que a médica da minha mãe pega no pé dela e falei que ela, a minha médica era light comigo.
Ela me olhou com a cara mais amiga e disse:
_ É que você estava tão judiada, tão miudinha, que a gente fica feliz de ter ver assim, mesmo um pouco acima do peso.
(depois ela mandou eu voltar para academia, mas em cobranças..rss).
Fui para casa pensando, eu não tenho uma médica eu tenho uma amiga, alguém que me quer bem, que divide comigo cremes para o cabelo, dicas, e leite condensado.
Minha consulta é em janeiro, mas falei para ela que passo lá no natal para deixar o brigadeiro da Tetê.
Ela finalizou: Malvada..rss
É tem dias assim que a gente é feliz por estar viva.

11 comentários:

  1. O post é lindo... mas a foto é mais linda ainda!!! Adoooooro. Bjs, Clau.

    ResponderExcluir
  2. Ahhhhhhhhh, que post mais lindo!!!!

    Estou feliz de ter feliz!!!! E além disso... alegria contagia!

    Vamos comemorar a vida!!! E o tal brigadeiro quero tb...rsrsrs!!!

    Beijos flor!

    ResponderExcluir
  3. Clauuuuu....Que saudade...ainda bem que tá perto de vc vir hein...
    Te amo amiga.
    Essa foto é do último show, eu pago mico, me divirto, eu sou assim, por que, vc me ensinou a ser assim...
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Valeu Bijuuuuuuuuuuu

    Contagia sim...muito...essa estranha mania de ter fé na vida...

    Putz...ótimo pedido viu...brigadeiro das estrelas..rss..prometo te arranjar alguns...rss

    Beijos bijú....

    ResponderExcluir
  5. Dia movimentado hein... e não é bom?? Também estou feliz por te ver feliz minha queridona! ótima viagem pra Cornélio!! beijão
    P.S. Também quero brigadeiro (rs)

    ResponderExcluir
  6. Lindo e delicioso post... Malvada por nos fazer pensar nas irritações corriqueiras, nos detalhes que deixamos passar.
    Obrigada por nos acordar pra VIDA sempre amiga!!
    Orgulho de ser amiga de gente assim!
    Te amo

    ResponderExcluir
  7. Dan....é bom mesmo ter o coraçãozinho feliz apesar de tudo pelo que passamos.....o brigadeiro da Tetê tá garantido no final do ano..rss
    Uma dilicia...
    Beijos flor....

    ResponderExcluir
  8. Pois é Ritinha Helena...detalhes que são os mais importante, eu deixava passar batido, sempre correndo, sei que agora eu tenho tempo, e mais do que tempo tenho pisca alerta ligado aqui dentro por conta da grande lição que aprendi.
    Mas o pulo da gata (rsss) é não deixar a desculpa e a falta de tempo te escravizar...eu sei é difícil, mas presta atenção aí, a vida não é o que acontece nas férias, mas sim nos detalhes cotidianos de cada um de nós.
    Se vou levar meu tio no hospital e ficarei horas esperando, eu curto banco da praça, o livro, as arvores, o barulho...TUDO TEM LADO BOM!Rss
    Ache o seu.
    Beijos e boas férias para vc, isso nem precisa mandar vc aproveitar...kakaka.
    Te amo

    ResponderExcluir
  9. Minha querida e mais nova amiga...Adorei te conhecer, mas é um prazer imenso mesmo!!! Olha se me arrumar estadia e comida eu vou sim dar aula e de graça! Pessoas assim como você enchem meus dias de GARRA E AMOR. Estarei sempre as ordens e me avise quando tiver post novo, uma delícia de ler seus textos e diário.
    Beijão fica com Deus e VIVA A VIDA!!!!KKKKK

    ResponderExcluir
  10. "A vida não é o que acontece nas férias, mas sim nos detalhes cotidianos de cada um de nós".Coloquei essa sua frase no meu msn. Espero que não se importe. bjs

    ResponderExcluir
  11. Olá Sherol,
    Eba mais amigos virtuias, não importa, um dia quem sabe a gente vira amiga assim "teate"..rss.
    Adoro seu blog, vou lá sempre ver, me encanto o que vc transforma, delícia de se ver.
    Opa...vamos combinar...estadia e comida garantidas...rsss....
    Aviso sim...se vc estiver no Face (vou te procurar) e incluir no meu grupo do Blog, assim toda vez que saí alguma coisa nova aqui eu aviso por lá.
    Me mande seu endereço vou adorar te enviar um exemplar do meu livrinho: "Aprendendo a viver" que é um depoimento de uma fase difícil que passei na vida, de doença...(presente, grátis, sem custo nenhum, e se tiver medo de dar endereço para uma total desconhecida pode ser endereço fisico de qualquer lugar para onde o livrinho possa ir..rss).
    Não me importo não por usar a frase, fique a vontade.
    Beijos querida...obrigada pela visita.

    ResponderExcluir